A fotoproteção é o conjunto de medidas usadas para diminuir os danos causados pela exposição solar. Os fotoprotetores podem se encontrados de forma natural na atmosfera e na própria pele, mas podem também ser físicos (óculos escuros e roupas) ou filtros presentes nos protetores solares. Ainda que o sol seja necessário para ativar a vitamina D no nosso organismo, seu excesso deve ser evitado.

Além de estar associado diretamente ao câncer de pele e o envelhecimento os raios solares também causam queimaduras, desidratação e insolação.
A Dra. Manuela reforça que o mais indicado é que se evite tomar sol entre 10 e 16 horas da tarde, e se possível utilizar sombrinhas, chapéus e óculos. O protetor solar é capaz de nos proteger por certo tempo dos efeitos nocivos da luz solar, eles podem ser encontrados em creme, gel, spray, etc. Seu objetivo é filtrar a luz, deixando passar apenas os raios menos nocivos a nossa pele. O produto deve ser reaplicado algumas vezes, e o tempo para cada reaplicação pode variar de pessoa pra pessoa, dependendo do seu tipo de pele. Os bloqueadores costumam ser fotoprotetorres mais fortes, pois além de filtrar os raios eles também os refletem.

Hsites, Especializados em Web para a área Médica

Fazer login com suas credenciais

Esqueceu sua senha?